Quinta, 27 de Janeiro de 2022 04:20
67993368356
Senado Federal Senado Federal

Em 2021, Agência Senado teve 36 milhões de acessos e ampliou produtos para leitores

Em 2021, o Portal Senado Notícias registrou 36,6 milhões de visualizações, uma média de mais de 100 mil acessos por dia, dos seus 18,4 milhões de ...

14/01/2022 16h05
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Redação da Agência Senado ampliou sua produção de conteúdo em 2021 - Edilson Rodrigues/Agência Senado
Redação da Agência Senado ampliou sua produção de conteúdo em 2021 - Edilson Rodrigues/Agência Senado

20220114_balanco_agencia_publicacoes.jpg

Em 2021, o Portal Senado Notícias registrou 36,6 milhões de visualizações, uma média de mais de 100 mil acessos por dia, dos seus 18,4 milhões de usuários. O movimento respondeu por cerca de 20% de todo o tráfego na página do Senado Federal, que inclui os projetos de lei, e o acompanhamento das sessões e a participação popular.

Responsável pelo Portal, a Agência Senado, que faz 25 anos em 2022, também conseguiu ampliar a sua produção jornalística em 2021 — apesar das restrições sanitárias impostas pela pandemia de covid-19 ao trabalho presencial e às atividades legislativas. Além de ter conseguido aumentar em 45% o número de itens publicados no Portal Senado Notícias, em comparação com 2020, a Agência inovou ao lançar novos formatos para publicação de conteúdo que pudessem atender ao interesse do público com informações instantâneas por meio do microblog e com a veiculação de webstories com temáticas especiais.

Houve também um aumento de mais de 100% na publicação de infomatérias, que são publicações mais aprofundadas sobre grandes temas em discussão no Legislativo. No total, foram 104 publicações, ante 50 veiculadas em 2020.

A equipe da Agência, que é responsável por fazer a cobertura das atividades institucionais e legislativas do Senado, mesmo estando em sua grande maioria em regime de teletrabalho, produziu e publicou 14,2 mil conteúdos informativos, entre matérias, posts e Senado Agora. Um aumento de 45% em relação a 2020, quando foram publicados 8,4 mil itens.

Os dez conteúdos da Agência mais lidos em 2021 — considerando apenas as matérias de texto e infomatérias — tiveram entre 114 mil e 323 mil visualizações. No topo das mais acessadas estão matérias relacionadas ao afastamento da gestante de trabalho presencial, a promulgação do salário mínimo de 2021 e o piso salarial para profissionais da enfermagem, todos disponíveis no Portal Senado Notícias, que publica diariamente matérias da equipe de repórteres, além de conteúdos produzidos pela TV e pela Rádio Senado.

A coordenadora-geral da Secretaria de Comunicação Social (Secom) do Senado, Luciana Rodrigues, explica que o volume de trabalho dos veículos institucionais sinaliza e acompanha a importância que as discussões políticas ganharam no dia a dia das redes durante a pandemia.

— O aumento das publicações nos nossos canais de notícias e em nossos perfis mostra que as iniciativas legislativas não param, mesmo com a diminuição das atividades presenciais no Senado nos dois últimos anos. De alguma maneira, a política tem nos pautado no universo virtual, e isso mostra a nossa relevância, já que damos a notícia sem intermediários. A população reconhece nosso papel e nossa representatividade como fonte de informação isenta.

Fotografia

20220114_balanco_agencia_acesso.jpg

Já a produção de fotos triplicou em relação ao ano anterior. Foram 528 mil, frente a 165 mil em 2020. Das 528 mil fotografias produzidas, 129 mil foram catalogadas no acervo e 64 mil foram publicadas no Senado Fotos, no Flickr. A quantidade de fotos publicadas no Flickr foi a maior desde que a plataforma passou a ser utilizada, em 2010. Desde a sua criação, a conta da Agência no Flickr acumula mais de 348 mil fotos disponibilizadas e mais de 88 milhões de visualizações.

Acessos ao portal

Na avaliação da diretora da Agência Senado, Paola Lima, os números registrados em 2021 (36,6 milhões de visualizações) acompanham a trajetória de crescimento, em linha com o que vinha sendo observado nos anos que antecederam à pandemia. Em 2018, o portal registrou 29,4 milhões de visualizações e, em 2019, 39,9 milhões. 

— Na verdade, mantivemos nossa média de acessos de 2019, que vinham crescendo no ritmo esperado. O que ocorreu em 2020 (ano em que foram registradas 52 milhões de visualizações) foi uma situação extraordinária. Tínhamos uma pandemia começando e a atuação do Senado, mesmo com todos trabalhando em regime remoto, foi fundamental. A população precisava de informações sobre o que estava acontecendo no país e sobre as ações do poder público, e a Agência, como veículo oficial, teve um papel muito importante nisso.

Novas formas de distribuição

Em meio ao aumento do interesse da população em acompanhar a cobertura jornalística da CPI da Pandemia, a Agência lançou novas ferramentas de distribuição de conteúdo. 

Uma delas foi o microblog, uma página vinculada ao Portal Senado Notícias, que passou a ser alimentada com notas (posts) em tempo real. A partir de junho de 2021, o microblog foi disponibilizado para acompanhamento mais ágil dos fatos, em formato multimídia: textos, fotos, documentos oficiais, vídeos e áudios, além das transmissões ao vivo no canal da TV Senado no YouTube. Tudo numa mesma página e acessível por celular ou desktop e com a possibilidade de compartilhamento de toda a cobertura ou de notícias específicas pelas redes sociais. A mesma ferramenta também foi utilizada para acompanhar a sabatina de autoridades em comissões permanentes.

Somente sobre a CPI da Pandemia, foram publicados 1,8 mil posts que geraram 354 mil acessos no período de 30 de junho a 27 de outubro.

Luciana Rodrigues observa que a atualização constante é uma exigência tanto da atividade jornalística quanto da responsabilidade institucional da Secom.

— Temos buscado acompanhar os novos formatos de divulgação de notícias. Isso é fundamental. Acompanhar novas mídias, ampliar a forma de nos apresentar a diferentes públicos. Mesmo o público cativo adere a novos formatos de ler a informação, então, é essencial acompanhar as inovações para continuar cumprindo o nosso papel de dar transparência às atividades do parlamento.

Perfil no Instagram

Outro mecanismo de comunicação e interação com a população foi a criação do perfil da Agência Senado no Instagram. Com menos de nove meses de funcionamento, a conta @agenciasenado bateu a marca de 10 mil seguidores. No ano, foram 822 posts, 37 vídeos, 46 reels (vídeos curtos) e centenas de stories publicados.

Webstories

Inspirados no formato de entrega de conteúdos com mais uso de imagens em carrossel e menos texto, a Agência Senado lançou em julho do ano passado as webstories. Publicadas no Portal Senado Notícias e no perfil da @agenciasenado no Instagram, as temáticas seguem uma linha do tempo com explicações curtas, acompanhadas de fotos que ajudam na compreensão do assunto.

Temas como a PEC dos Precatórios, Auxílio-Inclusão e Real Digital foram trabalhados nessa nova ferramenta e estão entre os assuntos que tiveram maior número de acesso.

Portal do Senado

Já o Portal do Senado Federal, que engloba todos os setores da Casa, desde a Comunicação à Secretaria Geral da Mesa, registrou 206,5 milhões de visualizações em 2021, um aumento de 23,3% em relação a 2020. Enquanto o número de usuários subiu 2,6%, chegando a 44,8 milhões.

A sessão que esteve entre as mais acessadas no último ano foi o Portal e-Cidadania. O Portal, que estimula a participação da população nas atividades legislativas e orçamentárias, é a responsável por 62,9% dos acessos às páginas do Senado Federal, com 130,9 milhões de visualizações. Em segundo lugar está a seção de notícias, com 19,6%.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.